Bahia

Transporte intermunicipal será suspenso durante a Semana Santa na Bahia

Não vai ter viagem na Semana Santa baiana. Governador do Estado, Rui Costa afirmou na sua live semanal, o Papo Correria, que todo o transporte intermunicipal estará suspenso a partir da Quinta-Feira Santa, dia 1 de abril até as 5h da terça-feira, 6 de abril. A decisão é para conter e tentar frear a disseminação do coronavírus no estado. O decreto prevê que ficam suspensas, a partir da primeira hora do dia 01 de abril, a circulação e a saída, e, a partir das 9h do dia 01 de abril de 2021, a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal rodoviário, público e privado, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans, em todo estado, até as 05h do dia 06 de abril.

Com isso, todos os modais de transporte está suspenso: rodoviários e também o Ferry Boat, que fecha a partir de 20h do dia 31 de março de 2021, a circulação, a saída e a chegada de ferry boats e catamarãs, em todo estado, até as 05h do dia 06 de abril.

“Queremos, com isso, interromper e dificultar que as pessoas se aglomerem e viagem para o interior. Estamos fazendo regiões intensas, temos municípios com uma taxa alta de contaminação, como a região Sudoeste, a Região de Guanambi. E há outros municípios com números bem mais casos do ponto de vista absoluto e relativo”, afirmou Rui.

O Governador falou que ainda não foi tomada uma decisão sobre antecipar feriados, como foi realizado no ano passado. Segundo Rui, o Estado segue conversando com os municípios. A decisão vai depender dos índices de ocupação de leitos e fator de transmissão. Os feriados antecipados seriam o de Corpus Christi, São João, 2 de julho (Independência da Bahia) e 8 de dezembro (Conceição da Praia).

A Bahia manteve a alta no número de mortes por covid-19, que vem ocorrendo desde o final de fevereiro, e registrou 133 óbitos nesta terça (23). Nos últimos dias, o estado tem constantemente registrado números que ficam entre os maiores em óbitos durante a pandemia.

O número de mortes desta terça é agora o quarto maior registrado na Bahia desde o começo da pandemia. O recorde foi registrado na quinta-feira (18), quando 153 mortes foram registradas.

Além disso, a Bahia registrou 4.061 novos casos de covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%), em 24h, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), no final da tarde desta terça. No mesmo período, 4.298 pacientes foram considerados curados da doença (+0,6%).

De acordo com Rui, os esforços feitos pelo Governo e Prefeitura está se refletindo na redução no número de casos ativos na Bahia, que atualmente é de 15.402. A expectativa, agora, é manter o isolamento e as medidas até reduzir o número de óbitos e da taxa de ocupação dos leitos de UTI, que atualmente está em 84%.

Comentários