Remanso

Ocimar Moura mostra que parecer das contas de Zé Filho, exercício 2018, tende a rejeição

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Parecer da Comissão de Orçamento e Finanças da Câmara de Vereadores de Remanso, lida na sessão ordinária desta terça-feira (30/03), sobre as contas da prefeitura, sob a responsabilidade do então prefeito Zé Filho, foi arrasador.

O Vereador Ocimar Moura, relator da Comissão, falou de números, dos desvios assumidos pelo então gestor e do desprezo dele para com o TCM, não respondendo aos questionamentos ou respondendo sem comprovação: “Ele usou, caros colegas, três milhões, oitocentos e noventa e dois mil, trezentos e vinte e sete reais, em despesas não relacionadas à Educação” – leu o Vereador Ocimar, exemplificando o desvio de recursos do FUNDEB.

“Pegou dinheiro da Educação e colocou no Gabinete dele; na Procuradoria do Município, na Secretaria de Agricultura, Secretaria do Interior, Secretaria de Esportes, Secretaria Igualdade, Fundo Municipal de Saúde, Secretaria de Obras, Gabinete do Vice Prefeito”

“Na secretaria de Planejamento um milhão, duzentos e sessenta e quatro mil” – Continuou o vereador: “Sem nenhuma relação com a Educação” e pediu ao Presidente que convidasse o ex-prefeito “para vir aqui dizer onde ele colocou esse dinheiro, porque (na defesa e explicações), disse ao TCM que devolveu e o TCM diz que não devolveu”. Ocimar relacionou ainda desvios na folha de servidores da educação e uma diferença no Caixa da Prefeitura que o ex-gestor explicou como “transferência de forma indevida”, para a conta pessoal, mas nunca comprovou a devolução, de acordo com o TCM.

Indignado, o Vereador disse que o ex-gestor apresentou aos vereadores a mesma defesa que já tinha apresentado ao TCM, que não “vale nada”.

A Comissão de Orçamento e Finanças da Câmara é formada pelos Vereadores Ocimar (Ocimar Barbosa Miranda Moura – PC do B), Cristiano (Cristiano José Moura Marques – PT) e Geovane (Geovane Passos de Oliveira – Podemos) apresentou um parecer pela rejeição. A votação em plenário das contas de 2018 do Prefeito Zé Filho deve começar na próxima sessão, terça-feira, 06 de abril.

Há uma cobrança de pessoas da comunidade, que impossibilitadas de acompanharem pessoalmente as sessões da Câmara, pedem ao Presidente a transmissão pelas redes sociais e Youtube.

Remanso Notícias


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comentários