Remanso

Integrante do PCC morre em confronto com policiais militares em Casa Nova

Um integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC), facção criminosa do Estado de São Paulo, morreu em confronto com policiais militares no bairro do Borges, na cidade de Casa Nova, no norte da Bahia, no final da madrugada de hoje (14). Participaram da ação policiais da Cipe-Caatinga, Rondesp Norte e 25ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), com apoio da Inteligência do Departamento da Polícia Federal de Juazeiro.

As equipes foram ao município cumprir o mandado de prisão contra o suspeito, David de Castro Vieira Dias, conhecido como “Bruxo” ou “Talibã”, investigado por vários assaltos contra instituições financeiras em vários estados, tráfico de drogas e homicídios. O mandado de prisão foi expedido no último dia 7 de junho, pela comarca de Umbaúba, estado de Sergipe, por participação na ação criminosa que explodiu e roubou agências bancárias no município no dia 2 de maio deste ano.

De acordo com a Cipe-Caatinga, David de Castro havia sido preso por posse ilegal de arma de fogo no último dia 4 de junho, quando se preparava, juntamente com mais quatro homens, para assaltar um empresário na cidade de Petrolina, porém foram liberados após o pagamento de fiança.

Apesar de o Mandado de Prisão ser expedido pelo motivo de assalto a banco, a principal atividade do suspeito era a distribuição de cocaína oriunda do Sul e Sudeste do país para abastecer o Vale do São Francisco, sendo considerado pela facção criminosa um dos braços fortes no Sertão nordestino. Conforme a Cipe-Caatinga, David de Castro e sua facção são responsáveis por um número considerável de homicídios ocorridos nos municípios de Casa Nova, Remanso e Juazeiro, no norte baiano, além de Petrolina.

Troca de tiros

A Cipe-Caatinga informou que durante o cumprimento do mandado de Prisão, os policiais realizaram o cerco e solicitaram para que o procurado saísse do interior do imóvel, localizado na Quadra F, nº 10. Como o suspeito não se entregou, os PMs  adentraram e foram recebidos com disparos de arma de fogo efetuados pelo David, quando os policiais revidaram e balearam o suspeito. Ele foi socorrido ao Hospital Municipal, onde foi constatado o óbito.

Com ele, os policiais apreenderam um revólver calibre 38, um carregador de arma, um aparelho celular, cocaína e um cartão bancário. Todo o material foi encaminhado à delegacia de Casa Nova, para as providências de praxe.

Leave a Response