Entretenimento

Rei da “sofrência”, Pablo diz que só uma mulher o fez sofrer

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

 

O cantor Pablo, rei da “sofrência”, está acostumado ao assédio feminino e ao sofrimento por amor, mas disse que somente uma mulher o fez sofrer na vida: a esposa, por quem se apaixonou ainda na adolescência.

“Só uma me fez sofrer: minha mulher, Adriele, com quem estou casado há 15 anos. Às vezes brigávamos, e isso me deixava muito triste. Ainda hoje, já maduros, brigamos. Mas faz parte do relacionamento. Na grande maioria das vezes, estamos muito bem. Ela é a mulher da minha vida e a mãe dos meus filhos”, disse o cantor ao Extra.

Pablo faz aulas de fonoaudiologia, exercício físico constante e tem cuidado na ingestão de líquidos para aguentar a rotina dura de shows – média de 25 ao mês. Ele canta desde os 6 anos de idade, mas conta que precisou passar por muita coisa até chegar no ponto de agora. “Precisava ajudar a família. Depois de um tempo, fui viver minha vida e fiquei anos sem dar notícias. Com 15 anos, já no grupo Asas Livres, juntei uma grana e consegui comprar uma casa para minha mãe. Depois disso, entrei no Arrocha, onde fiquei até 2010, quando comecei minha carreira solo”.

Sucesso do cantor “Homem não chora” estará na trilha sonora da novela “I Love Paraisópolis”, das 19h.

Fonte: Correio 24h


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comentários