Brasil

Doria pede foto, Zeca Pagodinho recusa, e situação vira meme

O cantor e compositor Zeca Pagodinho teria se irritado com a insistência do prefeito João Doria (PSDB)  para tirar uma foto com ele durante a segunda noite de desfiles das escolas do Grupo Especial de São Paulo, no Sambódromo do Anhembi. As informações são do jornal Folha de S. Paulo. A situação, obviamente, já caiu nas graças da internet, e os memes começam a se multiplicar nas redes sociais.

O sambista só teria aceitado o clique com o prefeito de São Paulo depois que o dono do no camarote do Bar Brahma, onde ambos estavam, intervir. Houve muita negociação entre as duas assessorias, até que Zeca Pagodinho decidiu posar para a foto. No entanto, ele impôs a presença do ex-jogador Amaral na foto, ou não posaria.

À revista Veja, a assessoria do artista afirmou que a recusa inicial não seria uma retaliação ao prefeito, e sim pelo princípio de que Zeca Pagodinho não queria se deixar fotografar com nenhum político, de nenhum partido. No final da noite, a assessoria de imprensa do Bar Brahma divulgou mensagem à imprensa em que ressaltou algumas parcerias em projetos sociais com a prefeitura e minimizou o episódio.

Irritação ou não, a imagem de Doria colocando as mãos nos braços de Zeca Pagodinho, e a cara que o cantor fez, de poucos amigos, circula em várias redes sociais.

Folha de S.Paulo

Publicidade