UFC

Anderson Silva é supenso novamente por doping

O brasileiro Anderson Silva foi retirado do card do UFC Fight Night, em Xangai (China), em 25 de novembro, quando faria luta contra Kelvin Gastelum. O UFC emitiu comunicado dizendo que foi avisado pela agência americana antidoping (Usada) de “possível violação da política antidopagem, decorrente de uma amostra fora da competição, coletada em 26 de outubro de 2017”. Anderson foi preventivamente suspenso e, ainda segundo a nota, o UFC vai seguir os procedimentos para apurar o caso – não foi divulgada qual substância foi constatada na amostra.

Em 2015, Anderson foi suspenso por ano por doping após a luta com Nick Diaz. O lutador de 42 anos entrou ao octógono pela última vez fevereiro, quando venceu Derek Brunson, em Nova York, por decisão unânime.

Comentar

Clique aqui para comentar

Siga-nos no Facebook

Publicidade